Óbidos, Alcobaça e Nazaré

É uma das mais pitorescas e preservadas vilas de Portugal, Óbidos vila medieval envolvida em muralhas, de casas brancas, janelas floridas, um labirinto de ruas e pórticos manuelinos. Mas também Alcobaça tem o seu encanto e o Mosteiro deixa os visitantes maravilhados pela sua grandiosidade. Nazaré ali ao lado, vila piscatória, mundialmente conhecida pelas suas enormes ondas é atualmente a anfitriã dos maiores campeonatos internacionais de surf.

Galeria de imagens

Lugares a visitar:

Óbidos um termo latino “ópido” cujo seu significado é “cidade fortificada”, já que toda a vila se encontra entre as muralhas. A vila acolhe todos os anos variados e conhecidos eventos tais como o Festival do Chocolate, a Vila Natal e o Mercado Medieval.   

Visite esta maravilhosa vila e o seu Castelo que outrora à beira-mar, tem vindo a ser alterado através de variadas intervenções ao longo do tempo, sendo parte integrante da vila que acolhe no seu interior.   
O Castelo de Óbidos, classificado Monumento Nacional, foi eleito uma das Sete Maravilhas de Portugal em 2007.

Alcobaça, vila que exibe um majestoso Mosteiro e tem um desenvolvimento cultural, social e económico associado à presença da Ordem de Cister em Portugal.    

O Mosteiro de Alcobaça é o primeiro exemplo da Arquitetura Gótica em Portugal, a construção da Abadia teve início em 1178. O monumento foi classificado Monumento Nacional e Património da Humanidade pela UNESCO, em 1910. E em 2007 também foi eleito uma das Sete Maravilhas de Portugal.

Termine com a bela Nazaré. O Sítio da Nazaré é um local de peregrinação e a sua história está ligada à Lenda de Nazaré, que relata o episódio em que D. Fuas Roupinho perseguia um veado no seu cavalo. À beira de um precipício, junto a uma Gruta onde se venerava a imagem de Nossa Senhora com o Menino (Sítio da Nazaré), D. Fuas terá rogado a nossa Senhora que o salvasse, momento em que o cavalo parou a marcha impedindo aquela que seria uma queda de mais de cem metros de altura.

A vila piscatória de Nazaré tornou-se, ao longo do tempo, um destino turístico bastante movimentado por turistas internacionais. Pois ficou mundialmente conhecida depois do surfista Garrett McNamara ter surfado uma onda de 34 metros, entrando assim, para o Guinness World Records. Atualmente é frequentada por vários surfistas proveniente de todo o mundo para desafiar as ondas do Canhão da Nazaré.